30 de jul de 2011

Cigana Madalena

                                   [Cigana+Madalena..jpg]          

    A cigana Madalena era uma mulher muito alegre, terna e de muita força e fé na vida.
Jamais deixava a tristeza abater quem quer que fosse, tinha sempre uma palavra de animo e consolo para seu grupo.
 

Foi sempre um alento para as horas difíceis. 
Quando seu grupo teve que sair de um país, ela foi a grande amiga, conselheira e todos vinham se aconselhar com ela.
 Gostava de dançar, sentia imensamente cada emoção humana.
Era bela, forte, sensível, terna.
Quando precisava também sabia chamar a atenção, mas sempre de forma positiva.

Ninguem conseguia esquecer sua dança.

Ela era assim lembrada pelo seu povo:

  
Como mãe, amiga e mulher.Vem cigana Madalena
com safiras no olhar tua saia azul esvoaça
vem me ensinar a dançar.
Quando danças teu véu esconde um misterioso enigma,
de quem muito já viveu aprendendo com a vida.
Sois um misto de tudo, mãe, amiga e mulher,
tens a ironia divertida de quem sabe o que quer.
Sois dona de um perfume, raro, suave e sedutor,
perfume que a tudo encanta,
o teu nome é AMOR...